Blog Mailify: O Email Marketing fácil de usar

O blog de referência de Mailify: encontre todas as informações sobre email marketing em

email-automation.pt

E-consumidores: redes sociais e novos comportamentos de compra

E-consumidores: redes sociais e novos comportamentos de compra

Com a ascensão das novas tecnologias, as dinâmicas da sociedade mudaram drasticamente. E com o mercado consumidor não é diferente. As redes sociais e a internet estão proporcionando novas formas de ver o mundo. Um mundo onde tudo acontece em tempo real e de várias formas diferentes. 

É nesse sentido que o comportamento dos consumidores tem sofrido alterações, devido às grandes conexões proporcionadas pelas redes sociais. Isto deu origem à chamada geração de “e-consumidores”.

Assim, o texto abordará quais são as consequências desses comportamentos e o que os provoca.

Quem são os e-consumidores

Os e-consumidores são caracterizados, principalmente, pelo fato de serem muito mais engajados do que os consumidores tradicionais. Isso decorre do fato de os e-consumidores terem um maior acesso à informação disponibilizada pela internet.

Portanto, esses consumidores vão além do simples ato da compra: eles utilizam a web para pesquisar valores, comparar produtos, consultar informações sobre as marcas, verificar opiniões de outros compradores. Nesse sentido, alguém que esteja à procura de uma porta automática para a sua casa, por exemplo, pode consultar diversas fontes para escolher o seu produto e a sua marca ideal. 

Essas ações exigem que as marcas estejam cada vez mais presentes dentro da internet para que elas não fiquem de fora de todo esse avanço. Isso já ocorre com empresas que procuram promover produtos por meio da internet, usando a internet para a publicação de conteúdos interessantes. Como, por exemplo, textos informativos dando dicas de como utilizar um piso vinílico em placa de maneira adequada.

Novas formas de comprar

Os e-consumidores não são mais pessoas que fazem questão de estarem presentes em uma loja para adquirir produtos. Até isso se tornou digital. As lojas virtuais, marketplaces e e-commerces são as novas tendências do momento. Elas permitem que as pessoas comprem produtos ou contratem serviços sem precisarem de sair de suas casas. 

Essas formas de comprar são bastante importantes para os dias atuais, já que torna possível a compra em lojas que existem em vários cantos do mundo, abrindo portas para serviços de entregas. Os produtos que são passíveis de serem vendidos online são os mais variados possíveis, indo desde roupas até estruturas metálicas para coberturas.

Além disso, os e-consumidores são, acima de tudo, pessoas e usuários com vozes ativas. Essa manifestação de opiniões, provocada pelo aumento das ferramentas de relacionamentos, permitem que os e-consumidores reclamem, conversem e elogiem diversos assuntos. Esse é o propósito principal das redes sociais, sobre as quais o texto irá discutir a seguir.

A importância das redes sociais na era digital

As redes sociais, como o nome indica, são espaços desenvolvidos para o estabelecimento de relacionamentos entre as pessoas. Elas abriram espaço para discussões, compartilhamento de informações e de experiências de uma maneira rápida e prática.

Existem certos momentos em que os usuários seguem as páginas de suas marcas favoritas dentro das redes sociais. Isso mostra como a capacidade de conexão da internet criou um espaço propício para a aproximação entre marca-pessoas. Portanto, a comunicação feita pelas empresas não é mais unilateral como antigamente. Em vez de se pautar por uma fala, assemelha-se mais a um diálogo, uma conversação. 

Isso quer dizer que os consumidores conquistaram uma porta de visibilidade com as marcas, podendo utilizar ferramentas como campos de comentários de posts para:

  • Gerar reclamações;
  • Tirar dúvidas;
  • Enviar sugestões;
  • Dar opiniões.

Essa forma de comunicação pode ser vantajosa tanto para as empresas quanto para os e-consumidores. Enquanto estes podem obter mais informações para a sua decisão no futuro, as marcas podem conhecer melhor quem são os seus clientes. Isto permite a elaboração de estratégias mais certeiras. 

Assim, empresas que produzem tubo dreno, por exemplo, são capazes de analisar as necessidades dos seus consumidores por meio das mensagens enviadas em redes sociais. Tais marcas podem, futuramente, utilizar essas informações para tomar decisões em conformidade.

Verifica-se que, atualmente, torna-se indispensável pensar na sociedade a partir da sua conexão com o mundo digital. Isso exige que as empresas se adaptem a novas realidades (existentes e que ainda estão por vir) para garantir sua parcela dentro do mercado. E também para ganhar um destaque especial diante dos seus concorrentes.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento.

 

 

Sem comentários

Deixe um comentário